Jorginho alertava Thalles para não andar de moto


Se a morte do jogador foi como um soco para todos nós vascaínos, a notícia caiu de forma pior para Jorginho. Treinador não só do atual clube (Ponte Preta), como também trabalhou junto com o jogador em 2015, quando assumiu o Vasco.

Ao ser procurado pela redação do Globo Esporte, disse que não tinha condições de falar por telefone, mas mandou mensagem por aplicativo. Para ele, foi como a morte de seu próprio filho - já que tinha uma boa relação com o jogador e ainda o alertava para não andar de moto.

Tinha o Thalles como um filho. Tive muitas conversas com ele, e uma delas era pra ele não andar de moto. Estou com o coração dilacerado. Mas estou orando muito para que Deus console o coração de toda a família.

Thalles será enterrado neste domingo, ás 14h, no cemitério Parque Niterói - que fica na Avenida Bispo Dom João da Mata, 800 - Laranjal, São Gonçalo.

Nenhum comentário

Vascaínos na Web. Tecnologia do Blogger.