O último time que Luxemburgo treinou antes do Vasco


O cara conseguiu fazer o que muitos achavam impossível: acalmar a torcida do Vasco. Fora de mercado após anos, considerado "ultrapassado" por muitos, Vanderlei Luxemburgo em pouco tempo tranquilizou o ambiente. Algo não muito fácil, pois entrou praticamente numa fornalha e teve que tirar do que tinha para resolver a situação. 

Está certo que não há nada a comemorar, pois ainda temos um campeonato pela frente. Mas, ver pessoas da mídia como Luiz Penido elogiar e acreditar numa recuperação que antes era improvável na era Valentim, é realmente fácil encontrar o mérito; Ainda não acredito nas palavras do Gerson canhota de ouro, que afirmou que Luxemburgo vai arrumar a casa e fazer o Vasco brigar pelo título. Mas, pela situação que entrou e como apaziguou tudo, é impossível não dar os parabéns.

Isso me fez procurar na internet sobre a última passagem dele, para fazermos uma comparação. Constatei que ele treinou o Sport em 2017 e conseguiu além do título Estadual naquele ano, atingir a 5ª e a 6ª colocação no Brasileiro (que para o time do Recife ultimamente é algo muito alto). Só olhando por aqui, já percebi que ele não era tão "ultrapassado" assim e que chegou a colocar o time numa posição boa.



Analisando os últimos que treinaram o Vasco em comparação com o que ele fez no Sport em 2017, até que está de bom tamanho: foram 34 jogos sendo que obteve 11 vitórias, 15 derrotas e 8 empates. (Um desempenho péssimo para um técnico no Vasco da Gama, porém, aceitável pela estrutura que tem o time Pernambucano). Em sua carreira, a melhor equipe que obteve o melhor aproveitamento foi o Cruzeiro de 2002 a 2004 (um time muito forte que chegou a marca de 70% de aproveitamento, chegando ganhar tudo em 2003!)

Só que o pior aproveitamento em sua carreira foi justamente em 2015, com o mesmo Cruzeiro. Com péssimo desempenho de 6 vitórias, 3 empates e 10 derrotas.

Se pegarmos os últimos trabalhos do treinador, teremos um péssimo Cruzeiro de 2015, para mais tarde, assumir o clube chinês Tianjin Quanjian (que teve um aproveitamento superior ao time mineiro: 44% sendo 4 vitórias, 4 empates e 4 derrotas) e seguido pelo Sport. Dos três últimos clubes, nenhum aproveitamento chegou a 50, mas, como disse o Luiz Penido na postagem que compartilhei aqui mais cedo: dos 9 pontos que o Vasco tem, 8 são do Luxemburgo, então, podemos confiar...

Essa é apenas uma comparação dos dados, que achei interessante compartilhar aqui com vocês para entenderem um pouco mais sobre a carreira do nosso treinador.

Nenhum comentário

Vascaínos na Web. Tecnologia do Blogger.