Roberto Monteiro acredita que greve dos funcionários foi "orquestrada"


Eu mesmo nunca acreditei nisso.

Na postagem que compartilhei explicando essa palhaçada, coloquei alguns trechos da resposta de Brant ao ocorrido. Ele também concedeu uma entrevista que foi transmitida ao vivo explicando não só esse caso, como o que vem acontecendo no Vasco. Mas, ainda não tinha ideia de qual foi a resposta de Roberto Monteiro.

Segundo o site Uol, o presidente do Conselho Deliberativo sendo como uma "ação orquestrada" pela diretoria. Principalmente por causa das faixas de protesto que apareceram logo nas "primeiras horas de quarta-feira."

Primeiro reconheço que toda manifestação e todos os trabalhadores têm o direito de fazer essas reivindicações de salário. Não há problema algum. Agora, o que foi feito hoje foi algo dirigido e direcionado pela administração, que tenta justificar, com isso, a ausência de responsabilidade sobre seus atos de gestão. Então que isso fique bem claro, porque ontem a reunião do Conselho Deliberativo nada tem a ver a respeito dos pagamentos dos salários. Houve a liberação de R$ 10 milhões na semana passada para o pagamento das folhas atrasadas, que até então não foi realizado pela diretoria administrativa. O que a diretoria tenta fazer mais uma vez é se vitimizar neste processo. Eu acho que às 7h os funcionários já estarem com faixa, sendo encaminhadas por chefes de setor, por próprios subordinados do presidente, mostra que foi uma coisa orquestrada para desviar o foco.
Roberto Monteiro

Nenhum comentário

Vascaínos na Web. Tecnologia do Blogger.